Atleta juazeirense fatura 1º Lugar em Natatória em Alagoas

A atleta Juazeirense Rafaela Augusta faturou o primeiro lugar – juvenil na disputa de uma natatória, em busca de pontuação rumo ao brasileiro de natação, desta feita foi no estado de Alagoas.

A juazeirense conquistou a 1ª etapa da travessia da praia do francês 2018. Rafaela ficou no 4º lugar na classificação geral.  Com muitas dificuldades, ao retornar pra casa, atleta Rafaela precisou acionar amigos da região pra conseguir chegar ao destino, no regresso para casa.

Próximo a Bendegó, região de Canudos, na BR234, sentido Uauá, já com poucos recursos para alimentação e, conseguir voltar pra juazeiro, a família acionou o radialista Waltermário Pimentel que, imediatamente, em grupos de WhatsApp solicitou amigos da cidade de Uauá que pudessem dar suporte a família da atleta com ajuda para combustível.

Muitos uauaenses, sensibilizados, estavam aptos a formar uma (Vaquinha), para poder ajudar os familiares. Por sorte, esta mesma “Vaquinha” foi conquistada por eles, ainda no Distrito de Bendegó, onde conseguiram com algumas pessoas, ajuda para abastecer o veículo e chegar em casa, ainda na madrugada desta segunda-feira (05).

Tentamos contato com a prefeitura de Juazeiro  para obter mais informações sobre o porque que esta atleta que leva através de seu talento, o nome da cidade por outros estados, onde conquistas foram alcançadas e se a gestão municipal está dando algum suporte financeiro para custear as viagens da  atleta.

A atleta Juazeirense Rafaela Augusta faturou o primeiro lugar – juvenil na disputa de uma natatória, em busca de pontuação rumo ao brasileiro de natação, desta feita foi no estado de Alagoas.

A juazeirense conquistou a 1ª etapa da travessia da praia do francês 2018. Rafaela ficou no 4º lugar na classificação geral.  Com muitas dificuldades, ao retornar pra casa, atleta Rafaela precisou acionar amigos da região pra conseguir chegar ao destino, no regresso para casa.

Próximo a Bendegó, região de Canudos, na BR234, sentido Uauá, já com poucos recursos para alimentação e, conseguir voltar pra juazeiro, a família acionou o radialista Waltermário Pimentel que, imediatamente, em grupos de WhatsApp solicitou amigos da cidade de Uauá que pudessem dar suporte a família da atleta com ajuda para combustível.

Muitos uauaenses, sensibilizados, estavam aptos a formar uma (Vaquinha), para poder ajudar os familiares. Por sorte, esta mesma “Vaquinha” foi conquistada por eles, ainda no Distrito de Bendegó, onde conseguiram com algumas pessoas, ajuda para abastecer o veículo e chegar em casa, ainda na madrugada desta segunda-feira (05).

Tentamos contato com a prefeitura de Juazeiro  para obter mais informações sobre o porque que esta atleta que leva através de seu talento, o nome da cidade por outros estados, onde conquistas foram alcançadas e se a gestão municipal está dando algum suporte financeiro para custear as viagens da  atleta.