Mãe é presa após tentar “vender” virgindade de filha de 13 anos

Uma mulher identificada como Irina Gladkikh, 35 anos, foi presa em Moscou, capital da Rússica após tentar vender a virgindade da sua filha adolescente de 13 anos para um “magnata russo” na verdade eram policiais disfarçados. A “venda” da garota fo no valor de R$ 84 mil e a mãe dela foi presa junto com uma amiga após pegar o dinheiro. A garota foi levada ao hospital e ficará sob a guarda da justiça russa. A mãe da jovem teve a vida funçada nas redes sociais e foi descoberto que Irina é correta de imóveis na cidade de Urals e na adolescência, a mulher participou de divesos concursos de belezas no país. Irina contou em seu depoimento que queria que a sua filha tivesse uma “primeira vez” especial com alguém importante. Até o julgamento, Irina e sua amiga (que não teve a identidade revelada), ficarão presas, sem o direito de fiança (R7)