Ibametro debate com órgãos federais sobre acidentes de consumo

Nesta última quarta (02/03), o Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (IBAMETRO), órgão delegado do INMETRO na Bahia e autarquia da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), participou de encontros com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária – INFRAERO e com a comunidade acadêmica da Universidade Federal da Bahia – UFBA para tratar sobre recorrentes casos […]

Nesta última quarta (02/03), o Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (IBAMETRO), órgão delegado do INMETRO na Bahia e autarquia da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), participou de encontros com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária – INFRAERO e com a comunidade acadêmica da Universidade Federal da Bahia – UFBA para tratar sobre recorrentes casos de acidentes envolvendo produtos e serviços em nosso Estado.

Pela manhã, o órgão participou de uma mesa redonda com corpo funcional da INFRAERO no Aeroporto Internacional Luís Eduardo Magalhães onde foram relatados inúmeros episódios envolvendo determinados produtos que ocasionaram lesões em consumidores. O Diretor Geral do IBAMETRO, Randerson Leal, acompanhado pelo coordenador da Rede Consumo Seguro e Saúde – Bahia, Gustavo Figueiredo, demonstrou como os profissionais podem contribuir com o registro destas ocorrências e como dezenove órgãos públicos e entidades da sociedade civil vem realizando o enfrentamento desta realidade. “Ao passo que os acidentes vêm se tornando mais visíveis na sociedade, cresce também a compreensão dos cidadãos em exigir produtos mais seguros. Estamos a cada dia fortalecendo essa articulação interinstitucional para melhor proteger os consumidores”, comentou Randerson.
Já pela noite, na Escola Politécnica da UFBA, a mesa redonda Consumo Seguro teve presença do IBAMETRO e da Rede Consumo Seguro e Saúde debatendo com a comunidade acadêmica, pesquisadores e especialistas em Engenharia de Produção sobre questões relacionadas à Segurança de Produtos e a necessidade da indústria brasileira se aperfeiçoar em critérios e normas vigentes. Na oportunidade, uma das pesquisadoras, Juliana Marques, pôde comentar sobre seu trabalho investigativo que visa construir uma classificação dos estados brasileiros de acordo com seus perfis de índices de acidentes de consumo. “Tem sido um cenário social pouco conhecido, mas que precisa ser investigado para o devido enfrentamento aos acidentes”, alegou Marques que tem como orientador o professor adjunto Adonias Magdiel, do Departamento de Engenharia Mecânica e membro representante da UFBA na Rede Consumo Seguro e Saúde – Bahia. Adonias anunciou também que dois projetos de Doutorado sobre Consumo Seguro estão em curso na universidade. “O tema vem ganhando corpo na Academia e poderemos em breve disponibilizar a sociedade, informações que contribuirão com o efetivo enfrentamento desta questão que atinge tantos consumidores”, garantiu Adonias.
O IBAMETRO e a Rede Consumo Seguro e Saúde voltam a tratar o assunto na reunião da Operação Integrada Comércio Legal no próximo dia 08/03 e no I Congresso Baiano de Defesa do Consumidor no dia 11/03. Os consumidores podem colaborar com os registros de acidentes de consumo através do site www.ibametro.ba.gov.br

Fonte: Ascom Ibametro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *