Uauá: Mais furtos a residências

Uauá: Mais furtos a residências

Moradores utilizaram as redes sociais para relatar e pedir a pessoas que se souberem de quem estivesse comercializando produtos e / ou objetos que os comunicassse. Neste sábado (24), áudios que circulam em grupos de WhatsApp trazem uma clamor de moradora que teve casa arrombada e objetos foram levados de sua residência como casco de botijão, perfumes e outros bens. 

Já neste domingo(24/04), internautas relataram a equipe do Portal Uauá que residências no bairro Alto do Conselheiro foram invadidas e ladrões furtaram um objetos de um comerciante, foram levados mais de 20 pares de sapatos, entre outros. 

"As pessoas estão sendo roubadas e não abrem um boletim de ocorrencia, tem que abrir, senão é ainda pior", disse um leitor. 

Ainda não há detalhes se houve flagrante nas últimas horas, em tempo, ao que se sabe, esses furtos estão mais intensos em bairros distante do centro da cidade. 

COMUINICADORES SÃO VÍTIMA

Não é de agora que essa prática delituosa vem ocorrendo em todos os cantos da cidade. Em 2018, criminosos pularam o muro da residência de Acássio Teles e furtaram 05 (cinco) galinhas na Rua Monte Alegre, no Bairro Alto do Conselheiro. Em 22 de janeiro de 2018 o locutor Valdemir Batista teve seu toca cd furtado de dentro do veículo (carro de som), que estava estacionado em frente à sua residencia, na Avenida Prefeito Pedro Ribeiro, também não faz muito tempo, o radialista Adailton Santana teve o veículo arrombado em frente a rádio comunitária, na ocasião roubaram um botijão de gás e há menos de 1 (um) ano, adentraram sua residencia, na Travessa Vaza Barris e furtaram um tanquinho de lavar roupas, 01 ventilador, mangueira  e outros objetos. 

SOCIEDADE E COMÉRCIO VÍTIMAS

Os furtos mais recentes acontecem de diversas formas e lugares, ao invadirem residencias, comércios, roubos de veículos, etc. Uauá clama por mais segurança e mais rondas no bairros e no interior. 

A Polícia Militar INFORMA que mantém o efetivo nas ruas diuturnamente e que à medida que surgem denúncias captura os suspeitos e que está reforçando a segurança, fazendo rondas, também tem auxílio de agentes em motocicletas. 

A Guarda Civil Municipal mantém o trabalho peculiar. Mas até o momento, o Comando da GCM não se pronunciou sobre o trabalho que é realizado em prol de resguardar o patrimõnio público.

Da Redação  Portal Uauá Notícias