Portal Uauá
Uauá site da cidade

“O deputado estadual Laerte do Vando e ex-vereador Rosevaldo Loiola enaltecem os 95 anos de independência da Capital do Bode”

- Anúncios-

“O deputado estadual Laerte do Vando e ex-vereador Rosevaldo Loiola enaltecem os 95 anos de independência da Capital do Bode”

Conhecida como a Capital do Bode, o município de Uauá completa 95 anos de emancipação política no dia 9 de julho. Para celebrar a data magna, o deputado estadual Laerte do Vando (PSC) encaminhou para a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) moção de congratulação, destacando a história, a economia e as tradições culturais do município.

“O início de Uauá foi no século XVIII, quando Francisco Ribeiro formou uma fazenda, chamada Uauá às margens do rio Vaza-Barris, em terras de propriedade de Garcia d’Ávila. Em 1896, o território foi acampamento de uma Companhia de Infantaria do Exército que combateria na Guerra de Canudos. Em 1905, depois de ser recuperada dos danos causados pelo combate, tornou-se sede distrital de Monte Santo, pela lei estadual n.º 590, de 8 de julho de 1905, sendo elevada à categoria de município com o nome de Uauá, pela lei estadual n.º 1866, de 9 de julho de 1926”, diz trecho do documento.

Ainda no texto, o parlamentar relembrou que o município chegou a ser extinto e reinstalado novamente. Atualmente, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a cidade possui 24.113 habitantes.
Na economia, o deputado chamou a atenção para a criação de caprinos e ovinos, fazendo jus ao título nacional da cidade de “Capital do Bode”. Anualmente, no mês de agosto, acontece a exposição desses animais, atraindo turistas e empresários de todo o Brasil em virtude da fama da carne de bode mais saborosa da região.

E complementou: “Nos últimos tempos, o município vem implementando através do IRPAA – (Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada) e a Coopercuc – (Cooperativa de Agropecuária Familiar de Canudos, Uauá e Curaçá), um programa de convivência com o semiárido que já mudou a vida de muitas famílias através do beneficiamento de frutas típicas da região, a exemplo do umbu e do maracujá da Caatinga.

Outro ponto ressaltado foi o São João de Uauá. Para ele, o festejo é, seguramente, um dos melhores e mais tradicionais da Bahia. Com intensa participação popular, a festa preserva o verdadeiro forró “pé de serra” e as raízes culturais do local.

“Desejo vida longa a todos os uauaenses, aspirando que o município continue em pleno desenvolvimento. Aproveito a oportunidade para parabenizar os trabalhos realizados pelo vereador Cordeiro (PSC) e pelo ex-vereador Rosevaldo Loiola. Contem comigo e com o meu mandato para buscar melhorias para essa terra que engrandece a Bahia”, finalizou.

Ascom

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.



Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceito Leia mais

Privacidade& Política de Cookies