Portal Uauá
Uauá site da cidade

Moro apresenta provas e diz que Bolsonaro mentiu em pronunciamento

O Brasil além de viver uma enorme crise de saúde por conta do novo coronavírus, vive também o caos político.  Os embates entre o presidente Jair Bolsonaro e o ex-ministro Sérgio Moro ganhou mais um capítulo na noite desta sexta-feira (24).

Após o ex-juiz convocar um pronunciamento na manhã de hoje para anunciar sua demissão e deixar claro que o presidente da república queria interferir politicamente na direção geral da Polícia Federal (ver aqui), Bolsonaro convocou a imprensa e desmentiu todas as acusações de Moro e ainda disse que o ex-superministro teria feito uma proposta ao presidente que apenas exonerasse Maurício Valeixo do cargo de diretor Geral da PF em novembro, quando fosse indicado ao STF. Em resposta, Sérgio Moro disse no twitter: “A permanência do Diretor Geral da PF, Maurício Valeixo, nunca foi utilizada como moeda de troca para minha nomeação para o STF. Aliás, se fosse esse o meu objetivo, teria concordado ontem com a substituição do Diretor Geral da PF”.

Na edição de hoje do Jornal Nacional, Sérgio Moro enviou à redação da emissora, provas de que o presidente Jair Bolsonaro estaria mentindo. O jornal mostrou “prints” de conversas entre o Jair Bolsonaro e Moro na noite de ontem (23). Jair Bolsonaro encaminhou uma matéria do site O Antagonista  que dizia que a PF estava “na cola” de dez dos doze deputados bolsonaristas e disse que era “mais um motivo para a troca” do comando da PF, ou seja, exoneração de Maurício Valeixo. Moro respondeu dizendo que o inquérito está no STF, sob a responsabilidade do Ministro Alexandre  Morais e é ele quem determina as coisas.

O outro “print” era uma troca de mensagens entre a aliada do presidente, a deputada Carla Zambelli “implorando” a Sérgio Moro que aceitasse a troca no comando da PF: “Por favor, ministro, aceite o Romagem (Alexandre Romagem) para assumir a direção da PF”. Em resposta, Moro diz: “Prezada, não estou à venda”.

De acordo com o Jornal Nacional, a deputada não quis se pronunciar sobre o assunto.

Foto: Reprodução TV GLOBO

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceito Leia mais

Privacidade& Política de Cookies