São Paulo 2/9/2020 – Psicólogos Online são tendência em 2020

A pandemia afetou praticamente todas as formas de trabalho desde indústrias até o setor de serviços. E como os psicólogos contornaram os problemas de distanciamento para continuar auxiliando na qualidade de vida de seus pacientes?

Desde que houve a necessidade de entrar em isolamento social decorrente da pandemia do coronavírus, os atendimentos de saúde presenciais precisaram ser substituídos pelas consultas a distância por plataformas online.

Foi o que ocorreu também na psicoterapia que precisou passar por adaptações e agora os atendimentos também são realizados por videochamadas e, em alguns casos, por ligações.

Todavia, já fazem dois anos que o Conselho Federal de Psicologia – CFP liberou o atendimento online. Para isso, segundo o Conselho, é preciso que o profissional informe ao órgão que a consulta não será feita presencialmente.

É importante entender que o paciente possui essa vantagem de ser atendido no conforto de sua casa desde 2018 e isso não influencia em nada no atendimento, porque o profissional segue os mesmos planos e cuidados.

Salienta-se ainda que esse recurso pode ajudar ainda mais aquelas pessoas que estão passando por momentos de grande anseios e fragilidades, pois, muitas vezes, essa facilidade é um impulso para procurar apoio e ajuda.

A única coisa que muda, diante do cenário de emergência da pandemia é que, antes da Covid-19, os profissionais precisavam registrar no órgão que o atendimento seria feito de forma remota.

Hoje em dia, por conta da pandemia, há uma flexibilidade maior quanto a esse aviso devido ao grande volume de consultas. Por isso, para facilitar o serviço, a partir de março e abril, não houve a necessidade do pedido.

Essa facilidade é muito importante visto que pessoas que já eram diagnosticadas com ansiedade, depressão, dentre outros transtornos, com a pandemia, os quadros, infelizmente, foram agravados.

A importância da saúde mental durante a pandemia
A insegurança e estresse causada pelo coronavírus só aumenta cada dia mais e, ao longo dos dias, existem outros tipos de pensamentos negativos e paranoicos que podem causar incômodo e agravar quadros psicológicos.

Claro que, cada um com sua particularidade e nível, porém, todos devem buscar proteção para a saúde mental e também física, levando em consideração que a mente pode afetar o corpo também.

Com o isolamento, muitos fatores mudaram e, consequentemente, a rotina. Isso, para a cérebro humano, pode ter um grande impacto no que diz respeito a desorientação, ansiedade, estresse, pânico e até mesmo paranoia.

Além disso, a personalidade pode ser influenciada diretamente nos tempos de isolamento social, por exemplo, o humor pode ser alterado por causa do distanciamento de atividades prazerosas e pessoas agradáveis.

Consequentemente, é comum sentir a pressão para lidar com situações difíceis de serem encaradas. E o ser humano é um ser, puramente, de relações, por isso, as interações com o outro fazem muita falta no cotidiano.

Em contrapartida, estar nesse momento também tem pontos positivos, pois é um momento de estar em contato profundo consigo mesmo, fazer reflexões e buscar tranquilidade e equilíbrio no mundo interior.

Com todos esses fatores, tanto nos negativos, quanto nos positivos, é muito importante contar com a ajuda de um profissional para auxiliar nessas reflexões e clarear os caminhos por meio da psicoterapia de forma remota.

Mas, afinal, o que é a terapia online?
A terapia online, como o próprio nome já diz, é o trabalho em que o terapeuta realizará suas sessões de forma virtual. Isso pode ser realizado através de um computador, tablets, celulares ou similares.

As técnicas de terapia, no entanto, serão as mesmas que normalmente são realizadas. O ambiente de sessão será diferenciado, porque o cliente poderá estar em casa ou em seu escritório.

Enquanto o terapeuta pode estar em qualquer lugar do mundo. Essa possibilidade é incrível levando em consideração que muitas pessoas querem ser atendidas por determinados terapeutas e não conseguem pela distância de cidades.

Remotamente, não há esse impedimento, a pessoa pode optar por qualquer terapeuta de qualquer lugar e, desde que ele tenha disponibilidade, ele atenderá o paciente e fará suas sessões normalmente.

Quais os benefícios da terapia online?
A terapia, de forma remota, oferece muitos benefícios para os pacientes. A praticidade, muitas vezes, é o empurrão que as pessoas precisam para serem encorajadas a começarem fazer terapia.

Além disso, as vantagens são inúmeras, mas pode-se destacar:

 Eficiência comprovada pelos terapeutas e pelo Conselho Federal de Psicologia – CFP;
 Segurança tanto aos pacientes, quanto para os profissionais;
 Facilidade em ser realizada;
 Conveniente;
 Proporciona facilidade em acesso;
 Bastante flexível no que diz respeito ao local, horários, dentre outros fatores.

Hoje em dia, as plataformas utilizadas são variadas, algumas podem funcionar com áudios, webcam e ainda disponibilizarem mensagens de textos pelos chats, envio de imagens, dentre outras opções.

Sendo assim, é preciso compreender limites e respeitá-los para saber qual é a melhor opção e, assim, qual funcionará melhor para cada um. Sabendo disso, não é preciso vergonha ou receio.

Website: https://www.fepo.com.br/