27/8/2020 –

Especialista mostra que cuidados simples podem ajudar a deixar a pele da mão saudável mesmo com o uso contínuo do álcool em gel

Uma das principais recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para o combate à Covid-19 e outras doenças virais é a higienização das mãos. Aplicar álcool gel e lavá-las com água e sabão tornaram-se hábitos fundamentais para a preservação da saúde. Mas, apesar de essenciais, esses cuidados podem deixar as mãos ásperas e ressecadas.

“A pele que reveste o dorso da mão é fina e sensível e conta com poucas glândulas sebáceas e, por isso, tende a tornar-se áspera e desidratada, em alguns casos a pele pode até a rachar”, explica o dermatologista Cristiano Kakihara, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Além disso, de acordo com o especialista, o dorso da mão está sempre exposto à ação de fatores externos, como os raios solares, produtos químicos e outros agentes agressores. “Tudo isso, somado ao uso contínuo do álcool em gel e às lavagens frequentes, aumentam ainda mais as chances de ressecamento da pele”, completa o Dr. Kakihara.

A boa notícia é que você não só pode, como deve, continuar seguindo todos os protocolos de higiene para se proteger do coronavírus e, ainda assim, preservar a elasticidade, maciez e hidratação das mãos. Confira abaixo 6 dicas do dermatologista Cristiano Kakihara para ajudar a manter a pele da mão saudável.

USO DE LUVAS: use luvas sempre que mexer com produtos de limpeza. Dê preferência às de vinil, que geram menos reação alérgica que as de látex.

SABONETE: você já sabe que cuidar da higiene pessoal é necessário, mas é possível usar produtos que preservam a sua saúde e sua beleza ao mesmo tempo. Por exemplo: ao escolher o sabonete para lavar as mãos, opte pela opção do suave, com pH fisiológico e com substâncias hidratantes, de forma a promover uma limpeza eficaz, sem ressecar ou remover a camada protetora.

VERIFIQUE AS INFORMAÇÕES DO RÓTULO: o álcool gel pode diminuir a camada lipídica (proteção externa) da pele, deixando-a ressecada. A dica para preservar a hidratação é checar as informações do rótulo do produto e escolher o que leva glicerina na sua composição.

ESFOLIAÇÃO: faça uma esfoliação nas mãos a cada 15 ou 30 dias para remover as células mortas da pele, potencializar a absorção dos agentes hidratantes e restaurar o viço natural.

HIDRATAÇÃO / MUITA HIDRATAÇÃO: hidratação é o segredo. Invista em um creme hidratante específico para as mãos, bem espesso e eficaz. Além de repor a água perdida e recuperar o toque macio, o produto atua preventivamente, ao formar uma película protetora sobre a superfície da pele e evitar a desidratação. Aproveite e aplique também nas unhas, fazendo uma massagem suave. E lembre-se: assim como o álcool gel, o seu creme para as mãos devem estar sempre por perto, seja na bolsa ou na necessaire, para ser reaplicado diversas vezes ao longo do dia. E beba bastante água. Um corpo bem hidratado reflete na saúde da pele. A ingesta diária deste líquido essencial é variável e depende do peso da pessoa e de doenças associadas que a pessoa tenha. Muito importante consultar um médico para averiguar a quantidade ideal.

PROTETOR SOLAR: protetor solar deve ser aplicado nas mãos também. Assim como no rosto, o produto é essencial para prevenir as manchas provocadas pelo sol e o aparecimento dos sinais da idade.

“Incorpore essas dicas ao seu dia a dia e mantenha suas mãos bonitas e livres de doenças” completa o dermatologista.

Website: https://www.clinicakakihara.com/