Abandonado, Marcelo Nilo diz que foi ‘surpreendido’ por deputados

Em seu discurso de despedida após comandar a Assembleia Legislativa da Bahia por 10 anos, o agora ex-presidente da Casa Marcelo Nilo (PSL) afirmou que foi traído por deputados que haviam jurado lealdade a ele durante o processo eleitoral para a presidência do Legislativo baiano.
Abandonado pelos correligionários na véspera do pleito, o Nilo evitou dizer a palavra “traição”. No entanto, o parlamentar demonstrou uma certa chateação com os colegas e foi irônico em parte do discurso. “Eu quero agradecer aos 10 deputados da oposição que me garantiram voto e aos outros 29 deputados que me garantiram voto. Mas, a vida é uma surpresa. E para a surpresa minha, houve uma na véspera de eleição. Não fui traído, não existe isso. Fui surpreendido. Alguns deputados foram para um almoço e juraram fidelidade”, disse Nilo, sem querer citar nomes.
Marcelo Nilo relatou que se encontrou com um deputado em seu gabinete por volta das 20h, e que o mesmo declarou que não abriria mão de votar com ele. No entanto, o ex-presidente disse que se surpreendeu novamente momentos depois. “Continuei lutando, mesmo sabendo que meu coração, minha campanha e aqueles que mais estavam próximos a mim estariam comigo. Mas me deixaram. Mesmo assim segui para a luta democrática. Às 20h01, um deputado que na véspera disse que ‘só com Deus’ deixaria de votar comigo, estava no meu gabinete conversando com meu irmão. Às 20h36 saiu a foto dele com o presidente do partido dele e com o meu concorrente”, contou. “Eu já enfrentei prefeito, vice-governador, senador e um grupo contra mim. Mas às 20h36, eu vi o deputado que me deixou”, afirmou Nilo, demonstrando chateação

Adailton Santana

RADIALISTA Formação Locutor-Apresentador- Radialista profissional diplomado pela Residência Educação, em parceria com o MEC, no âmbito do PRONATEC - Alagõas, é experiente na área de Comunicação e Segmentação Editorial em sites, blogs, Tem experiencia em Apresentação de Cerimoniais. Concluiu o Curso de Especialização em Locutor-Apresentador, realizado pela Residência Educação, em parceria com o MEC em 2018 e obteve a certificação de um trabalho que já faz desde o ano de 2003, quando ingressou no Rádio. Com a realização de curso de capacitação ministrado pelo Imega Cursos e Entretenimento, em 2008.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Captcha Captcha Reload